sábado, 2 de novembro de 2013


Hoje eu não tenho hora marcada para voltar. Vou varar a noite e abraçar o amanhecer quando ele apontar. Há muito tempo tenho me preocupado em levar a vida, mas acabei esquecendo que o melhor é deixar ela me levar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário