quarta-feira, 30 de dezembro de 2015



Eu sei dos seus medos, sei da menina que já se importou demais escondida por trás desse jeito de quem não precisa de nada além de amigas e uma música. Eu sei até do frio na barriga que você demonstra.
Eu sei das noites abraçada no travesseiro e de cada lágrima que caiu por algo que não era amor, nem verdadeiro. Eu sei do medo de que o novo seja só mais uma história igual, sei que de uns tempos pra cá você está lutando mais que o normal e que isso está te fazendo mal pelas lutas, mais bem pelas conquistas. Eu sei das lembranças que insistem em ficar na mente toda noite antes de dormir e sei do aperto no peito que te dá raiva ou te impede de sorrir. Mais mesmo assim eu tento ser so mais uma alegria, apesar de todas essas coisas inevitáveis da vida. Tenho que deixar exposto, escrito e escancarado sim a alegria que me faz.
Mas eu sei também que você é linda, quando sai do banho e veste um sorriso que te deixa mais bonita ainda. Eu sei que qualquer coisa dentro de mim muda toda vez que você passa e que você tem esse dom de deixar o dia com tanta graça. Sei que o cheiro do seu abraço fica pra sempre na mente e, apesar de você insistir que não, você é diferente.
Vamos ver a vida amor.

Sai pra dançar, viajar e perceber que, independente do tempo, o brilho do dia é você quem faz. Veste pra hoje o seu melhor sorriso, pois o meu eu visto todos os dias quando acordo e sei que tenho você.
De testo.. O resto a vida traz. E o que não traz buscamos juntas.



Nenhum comentário:

Postar um comentário